Passar para o conteúdo principal
Idioma

Segurança, Qualidade e Ambiente

Abrir

Notícias

Abrir

A minha conta

Idioma

A Air Liquide inaugura a maior unidade do mundo de produção de hidrogénio descarbonizado por eletrólise de membrana no Canadá

A Air Liquide finalizou a construção do maior eletrolisador PEM (sigla inglesa de Membrana Permutadora de Protões) do mundo. Alimentada por energia renovável, esta unidade produz a partir de agora ate 8,2 toneladas por dia de hidrogénio com baixo teor de carbono em Bécancour, no Quebeque. Com este novo investimento de grande escala, o Grupo confirma o empenho de longo prazo nos mercados do hidrogénio como fonte de energia e a ambição de ser protagonista no fornecimento de hidrogénio com baixo teor de carbono.

Com uma capacidade de 20 MW, este novo eletrolisador PEM dotado de tecnologia da Cummins1 é a maior fábrica deste tipo a operar atualmente em todo o mundo, e vai permitir responder à crescente procura de hidrogénio com baixo teor de carbono na América do Norte. A proximidade de Bécancour aos principais mercados industriais do Canadá e dos Estados Unidos vai contribuir para assegurar o abastecimento de hidrogénio com baixo teor de carbono para fins industriais e para a mobilidade. A entrada ao serviço desta unidade de eletrólise aumenta em 50% a capacidade de produção de hidrogénio da Air Liquide na fábrica de Bécancour.

Em comparação com um processo de produção de hidrogénio tradicional, esta nova unidade de produção vai permitir evitar a emissão de cerca de 27 000 toneladas/ano de CO2, ou seja, as emissões anuais aproximadas de 10 000 viaturas. A escolha de Bécancour está ligada a duas características da fábrica: por um lado o acesso a uma energia renovável abundante fornecida pela Hydro-Québec, e por outro lado a proximidade ao mercado da mobilidade do hidrogénio no nordeste do continente.

Susan Ellerbusch, Diretora geral da Air Liquide América do Norte e membro da Comissão Executiva, declarou: «A luta contra as alterações climáticas está na essência da estratégia do Grupo Air Liquide. A inauguração da fábrica de Bécancour, no Canadá, marca uma etapa importante na execução desta estratégia. Com esta estreia mundial, a Air Liquide confirma o empenho na produção de hidrogénio com baixo teor de carbono à escala industrial e a capacidade de implementar desde já soluções tecnológicas relevantes. O hidrogénio irá desempenhar um papel decisivo na transição energética e na emergência de uma sociedade de baixo teor de carbono.»

O empenho da Air Liquide em prol da fileira do hidrogénio

Há 50 anos que a Air Liquide domina o conjunto da cadeia de abastecimento do hidrogénio, desde a produção até à armazenagem, passando pela distribuição e o desenvolvimento de aplicações para os utilizadores finais. Graças aos seus conhecimentos especializados, o Grupo contribui para generalizar a utilização do hidrogénio como fonte de energia limpa, nomeadamente para a mobilidade. Atualmente, o Grupo projetou e instalou mais de 120 estações de enchimento de hidrogénio em todo o mundo. O hidrogénio constitui uma solução para dar resposta ao desafio do transporte limpo, contribuindo assim para melhorar a qualidade do ar. Utilizado numa pilha de combustível, o hidrogénio combina-se com o oxigénio do ar para produzir eletricidade, rejeitando apenas água e não criando qualquer poluição no ponto de utilização: zero gases com efeito de estufa, zero partículas e zero ruído. O hidrogénio dá uma resposta concreta aos desafios colocados pela mobilidade sustentável e a poluição local em zonas urbanas.

Sobre a Air Liquide no Canadá

A Air Liquide está presente no Canadá desde 1911 e conta com mais de 2 500 colaboradores e mais de 200 000 clientes e pacientes. Presente em toda a extensão do território nas principais regiões industriais do país, a Air Liquide Canada oferece soluções inovadoras — gases, equipamentos e serviços — aos seus clientes nos setores da aeronáutica, do automóvel, do agroalimentar, da química, da defesa, da energia, da metalurgia, da exploração mineira, do fabrico de metais e da saúde.

1Após a aquisição da Hydrogenics pela CUMMINS, a Air Liquide (por intermédio da filial The Hydrogen Company) elevou a sua participação para 19 %

Descarregar o documento
Endereço

Sociedade Portuguesa do Ar Líquido, Arlíquido Lda
Rua Dr António Loureiro Borges, 4-2º
Arquiparque-Miraflores
1495-131 Algés - Portugal