Passar para o conteúdo principal

Segurança, Qualidade e Ambiente

View

Boletim AL Informa

View

Controlo do pH da Água

Controlo do pH da Água

A limpeza in situ (Cleaning–in-Place, CIP) em indústrias nas quais a higiene é crucial, como os setores de alimentação, bebidas e farmacêutico, leva muitas empresas a utilizarem produtos de limpeza alcalinos fortes para tanques e tubagens. Existem igualmente muitos processos que, em consequência do seu funcionamento de rotina, produzem águas residuais muito alcalinas, isto é, com um pH elevado.

Nexelia™ para Controlo do pH

Nexelia™ para Controlo do pH da água é uma solução de gases integral da Air Liquide e una opção ecológica que pode resolver os problemas inerentes à utilização de ácidos minerais. A solução é completa, incluindo desde o gás até aos sistemas de dissolução para a aplicação de dióxido de carbono (CO2) no controlo do pH das águas residuais.

Nexelia™ para Controlo do pH é adequada para as estações de tratamento de águas residuais municipais e industriais.

Armário de Controlo do Gás (1) e Injector Bicone (2)

Fornecimento de dióxido de carbono (CO2)

Com o Dióxido de Carbono (CO2) a regulação do pH é simples e precisa dado que esta técnica evita o excesso de acidificação. O dióxido de carbono constitui uma solução muito mais segura do que a utilização de ácidos fortes, uma vez que a sua manipulação é mais segura para os funcionários.

Mais fiável, sem risco de sobredose e com uma regulação mais precisa do pH, o CO2 não provoca qualquer contaminação secundária e pode ser manipulado sem risco pelos operadores fabris. Mais seguro para o seu equipamento, o CO2 permite ainda controlar os custos de exploração.

Controlo do pH com a tecnologia Air Liquide

O ARMÁRIO DE CONTROLO DO GÁS (1) é uma unidade de regulação perfeita para injetores de gás que utilizam motores elétricos que podem chegar a 22 kW / 45 A quando é necessário e um sistema de doseamento para injetar até 200 kg/h.

O INJETOR-BICONE (2) é capaz de dissolver o CO2 na água até ao limite de saturação. É muito eficiente em águas de processo nas quais a solubilidade do gás está limitada pelas condições de funcionamento (por exemplo, com temperaturas > 40 °C) e é a melhor opção quando é necessário dissolver o CO2 num efluente de águas residuais com elevado teor em cálcio.

O CS-NOZZLE (3) é um sistema de injeção de CO2 que gera uma queda de pressão entre 0,5 e 1,2 bar, que por sua vez produz um efeito de expansão – dispersão que mistura a água e o CO2 gasoso. É um equipamento que se instala na tubagem.

A LANÇA INJETORA DE CO2 (4) foi projetada para efluentes de água sob pressão em tubagens. Na extremidade inferior monta-se um bocal para produzir pequenas bolhas de gás e dissolver o CO2 na água.

O INJETOR-POROXAL (5) é um sistema de aplicação que consiste numa tubagem perfurada com orifícios e instalada no fundo de uma bacia para realizar a injeção de CO2. Funciona sem consumo de eletricidade, a menos que se acrescente um propulsor para melhorar a dissolução. O INJETOR-POROXAL é a melhor opção em depósitos, reatores e câmaras de contacto.

Completo apoio técnico dos nossos especialistas

Com Nexelia™ poderá contar com a assistência total dos especialistas em tratamento de águas da Air Liquide, desde a auditoria da capacidade dos seus atuais sistemas de ventilação até aos projetos preliminares e detalhados, bem como na implementação total em poucos dias, incluindo o arranque, a monitorização e a manutenção.

Que benefícios oferece a solução Nexelia™

  • Segurança: graças à sua ação tampão natural, o CO2 não pode reduzir o pH do efluente muito abaixo de 6, pelo que não há o risco de produzir uma sobredose.
  • Melhoria do controlo do processo: com o CO2 a descida do pH ocorre de forma mais gradual do que com os ácidos minerais, o que facilita muito a realização de um controlo preciso.
  • Funcionamento que respeita o meio ambiente: o CO2 é um produto reciclado e não produz resíduos salinos, como sulfatos, cloretos ou nitratos.
  • Económico: o custo do CO2 costuma ser aproximadamente igual ao do ácido sulfúrico e metade do ácido clorídrico.
  • Facilidade de manipulação: uma vez que o CO2 é fornecido num sistema pressurizado (armazenamento em garrafa ou a granel), é possível armazená-lo longe do ponto de doseamento. Acresce o facto de o produto estar completamente fechado até ser misturado com o efluente, o que elimina os problemas de manipulação de ácidos minerais corrosivos.