Passar para o conteúdo principal
Idioma

Segurança, Qualidade e Ambiente

Abrir

Notícias

Abrir

A minha conta

Idioma

Por que motivo utilizar um fio fluxado?

Durante o processo de soldadura, o soldador necessita de metal de adição na maior parte dos processos de ligação de metais (Chama, TIG, MIG/MAG). Este último deve ser adaptado ao tipo de soldadura a efetuar. Deste modo, a escolha é efetuada entre o fio a soldar (sob a forma de bobina ou de varetas de soldadura) ou um elétrodo revestido para MMA - Manual Metal Arc.

O metal de adição pode ser da mesma composição dos materiais a soldar ou diferente voluntariamente (consoante as necessidades industriais). Os principais metais de adição são à base de aços, de aço inox, de alumínio ou de ligas.

Quer aprofundar este tema com os nossos especialistas? Contacte-nos →

soldadura_banner

Por que motivo utilizar arame de soldadura?

O arame de soldadura permite criar a ligação entre duas peças graças ao fornecimento de metal e permite no caso do processo MIG/MAG - utilizado na qualidade de elétrodo - a transferência da energia necessária pelo arco elétrico para as peças a soldar.

Sabia?
As peças finas podem ser soldadas sem metal de adição. No entanto, a utilização deste fornecimento de metal é necessária para soldar peças de média a grande espessura.

Zoom sobre o fio fluxado

Existem dois tipos de fios para os processos de soldadura: o fio sólido (ou fio maciço) e o fio fluxado. O fio sólido é composto por um metal (aço, aço inox, alumínio ou liga).

O fio fluxado é composto por pó ou fluxo compactado no interior de uma banda ou de um tubo.

A composição do pó define a natureza do fio fluxado, por exemplo, básico ou rútilo. Permite também dosear melhor os potenciais elementos da liga que serão encontrados na zona de fusão e que irão melhorar os desempenhos mecânicos, por exemplo. Este pó irá, na maioria dos casos, gerar uma escória na superfície da junta que contribuirá para a sua proteção, mas que será necessário retirar no final da operação de soldadura, ou entre duas passagens sucessivas. Neste caso, falamos de FCAW ou Flux Core Arc Welding.

Encontramos também fios fluxados com um pó apenas metálico no interior. Falamos agora de MCW ou Metal Core Wire.

Os fios fluxados funcionam normalmente na maior parte das máquinas de soldadura, embora alguns com sinergias possam melhorar bastante a maneabilidade.

Inicialmente de diâmetro relativamente grande, é trefilado várias vezes. Estes dois arames de soldadura necessitam do gás de proteção na maior parte dos casos. Tenha em atenção que determinados fios fluxados, em particular muito carregados com alumínio, podem ser operados sem gás de proteção.

O fio fluxado tem muitas vantagens, incluindo: 

  • Um aumento de produtividade: sendo a banda menos resistente do que o revestimento, a maior parte da corrente passa preferencialmente por este último, criando uma fusão e, por isso, uma taxa de depósito mais rápida.
  • Melhor qualidade no que diz respeito ao aspeto das soldaduras, em particular graças à escória.
  • Soldadura possível em todas as posições, em zona exterior como em estaleiro.

 

A Air Liquide, líder mundial em gás industrial, fornece as melhores informações e conselhos sobre o metal de adição para os processos de soldadura por arco (manual, automática, semiautomática ou robótica). Os especialistas em soldadura podem também orientar na escolha do gás ou da mistura de gás de proteção mais adequado para a operação de soldadura e fornecer gás na forma líquida ou gasosa (garrafa de gás ou quadro de garrafas de gás).

As nossas soluções para soldadura

Soldadura industrial →

Arcal →

Albee →

Flamal →

Exeltop →

Tem alguma necessidade ou pergunta sobre as nossas soluções?
Complete este formulário, a equipa da Air Liquide entrará em contacto consigo o mais rapidamente possível.
Endereço

Sociedade Portuguesa do Ar Líquido, Arlíquido Lda
Rua Dr António Loureiro Borges, 4-2º
Arquiparque-Miraflores
1495-131 Algés - Portugal